Maio 19, 2024

O governador provincial de Luanda visitou, terça-feira, as obras das vias secundárias e terciárias dos distritos urbanos do Rangel e Sambizanga, previstas para serem concluídas em Março do próximo ano.

Manuel Homem esclareceu, no final da visita, que parte das obras do Rangel, concretamente as do bairro da Terra Nova, podem ser concluídas no próximo mês de Dezembro, devido ao actual grau de execução, onde estão a ser feitos trabalhos de drenagem pluvial e residual, assim como a iluminação pública. A visita também serviu para avaliar a gestão orçamental das obras.

O atraso das obras, em algumas vias, justificou, é em função de alguns constrangimentos encontrados no percurso, como os cabos de média e alta tensão, a incompreensão dos vendedores ambulantes, que insistiam em vender no perímetro, mas com essas situações resolvidas, a meta, agora, é terminar o trabalho até ao primeiro trimestre de 2024.

O governante pediu a compreensão e paciência dos citadinos pelos constrangimentos causados, apelando que após a conclusão, as vias vão garantir maior conforto e melhor circulação de automóveis e peões.

“Pedimos que todos ajudem e colaborem com os empreiteiros para a conclusão das obras, deixando os espaços livres para facilitar o trabalho. É preciso que as pessoas percebam que este trabalho é para melhorar as condições de quem vive nestas zonas”, apelou.

O dirigente garantiu que o programa de melhoramento das vias de Luanda vai continuar em outros bairros da cidade capital, em especial no Zango, Kifica, Cabo Lombo e Viana.


Cidadãos aplaudem medidas do Governo

Durante a visita de constatação do governador de Luanda, alguns cidadãos demonstraram satisfação pelas obras que vão dar melhorias e mais conforto aos cidadãos. Constância, antiga moradora da Terra Nova, defende a montagem de lombas, nas proximidades do Beiral, para evitar que as crianças sejam atropeladas.

“Estou a gostar muito do trabalho. Espero que continuem assim. Mas peço a colocação de lombas, porque os motoqueiros passam com muita velocidade e há o risco de atropelarem as crianças”, pediu.

Em resposta, Manuel Homem disse que o trabalho ainda não está terminado e tudo vai ser feito para garantir a segurança e o conforto dos moradores.

Outro morador do bairro reclamou pela impossibilidade de estacionar a viatura próximo de casa ou no quintal, devido aos trabalhos. O governador tranquilizou-o, prometendo que as obras estão em fase de conclusão e brevemente a situação vai estar resolvida. Manuel Pereira, de 40 anos, residente na rua do Alentejo, Terra Nova, contou que nunca viu uma obra desta envergadura nas ruas do bairro. “Todos os trabalhos de reparação feitos anteriormente eram superficiais e duravam pouco tempo”.

Antes, criticou, se fazia apenas a terraplanagem, mas nesta obra foram montados novos esgotos, que vai permitir a drenagem pluvial e residual das águas, assim como estão a ser montados postes de iluminação.

“Acredito que desta vez as ruas vão estar melhores organizadas. Isso vai fazer com que o bairro se desenvolva cada vez mais. Vamos ter orgulho de viver aqui. Muitos moradores saíram da zona pelas péssimas condições que apresentavam, mas graças a este trabalho, a situação vai melhorar”, adiantou.

JA

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *