Maio 23, 2024

O candidato da lista D a bastonário da Ordem dos Advogados de Angola, José Carlos Miguel, apresentou as linhas de força para merecer o voto dos associados, no domingo, em N’dalatando, província do Cuanza-Norte.

O encontro durou aproximadamente duas horas e 30 minutos, tendo servido para comunicar mais de perto com os advogados desta região o que realmente a lista D pretende para o mandato de 2024 a 2026. 

De acordo com José Carlos Miguel, entre as linhas de força da campanha estão a elevação e dignificação dos níveis da classe, a melhoria do sistema de formação, a reestruturação dos programas existentes como o Centro de Estudo de Formação (CEF), voltada para uma perspectiva mais prática, além do estabelecimento de acordos e protocolos com universidades estrangeiras e nacionais para aprimorar as valências e a qualidade dos advogados no território nacional. 

Caso vença as eleições, o candidato da lista D quer, ainda, manter uma interacção muito forte com o Executivo e com os demais órgãos de administração na Justiça para serem respeitados os direitos, garantias e prerrogativas dos profissionais e para assim ser evitado o quadro que se vislumbra, nos últimos tempos, em que há advogados destratados e impedidos de exercer a função. 

JA

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *