Fevereiro 29, 2024

O Supremo Tribunal do estado norte-americano do Colorado tomou, esta terça-feira, uma decisão histórica, declarando que o antigo Presidente dos Estados Unidos fica proibido de participar nas próximas eleições presidenciais em 2024 e não pode aparecer no boletim de voto na região, devido a uma “proibição por insurreição” com base na Constituição.

A decisão ficará pendente de um apelo até 4 de Janeiro e será certamente avaliada pelo Supremo Tribunal dos Estados Unidos, que pode definir o assunto para o resto do país. 

Segundo o Notícias ao Minuto, a própria defesa do antigo Presidente deve apelar.

A votação pelos juízes foi de 4-3. Trump também ficou proibido de participar nas primárias do Partido Republicano.

A decisão do Supremo estatal do Colorado aplica-se apenas a esse estado, mas caso o Supremo federal confirme, esta pode ter repercussões para toda a campanha presidencial de 2024, já que Donald Trump é, neste momento, o principal favorito a ser nomeado pelo Partido Republicano e está a concorrer para ser reeleito no próximo ano e defrontar Joe Biden.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *