Abril 21, 2024

O Serviço Nacional de Recuperação de Activos (SENRA) enviou um ofício a Condis, S.A e a Nova Cimangola, S.A. a pedir informações se Isabel dos Santos desempenha alguma função nessas empresas, além de accionista.

Segundo o documento em posse do Correio da Kianda, o SENRA quer saber se a empresária angolana aufere salários e benefícios na empresa gestora do Shopping Avenida e na cimenteira.

Na semana finda, em entrevista à Rádio Essencial, a filha do antigo presidente angolano, José Eduardo dos Santos, disse que o seu dinheiro e activos estão congelados há cerca de quatro anos, “sem qualquer condenação ou acusação, não podendo sequer pagar a educação dos filhos ou custear despesas de saúde”.

Segundo o Ministério Público, Isabel dos Santos está visada em onze crimes que terão sindo cometidos durante a sua gestão da Sonangol, entre 2016 e 2017.

Pesam sobre a empresária os crimes de peculato, burla qualificada, abuso de poder, abuso de confiança, falsificação de documentos, associação criminosa, participação económica em negócio, tráfico de influências, branqueamento de capitais, fraude fiscal e fraude fiscal qualificada.

CK

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *