Fevereiro 29, 2024

Um ex-oficial das Forças Armadas Angolanas foi baleado mortalmente por um grupo de meliantes, após resistir a um assalto, no município do Cazenga, em Luanda.

Ainformação foi avançada pelo porta-voz do Serviço de Investigação de Criminal (SIC), Fernando de Carvalho, que assegurou que, “dos cincos membros da quadrilha, apenas foi detido um no último fim-de-semana e os outros quatros elementos ainda se encontram foragidos”.

O facto ocorreu na rua do Comércio, distrito urbano do Tala Hady, quando a vítima foi surpreendida pelos indivíduos na via pública, após ter acompanhado a sua esposa até à paragem de táxi.

Depois de deixar a mulher no táxi, o ex-oficial aproveitou para ir ao mercado da BCA fazer algumas compras, e, no regresso à sua residência, foi interpelado por cinco homens armados, explica o porta-voz do SIC-Luanda.

Sob ameaças de morte, subtraíram a sua pistola de marca e o seu telemóvel. E na tentativa de reagir ao assalto, o malogrado foi alvejado com um disparo nas costas que lhe perfurou o tórax, tendo acabado de morrer minutos depois numa unidade hospitalar próxima do local do crime.

O jovem de 21 anos já detido será encaminhados para o juiz de garantia, enquanto diligências prosseguem no sentido de se localizar os demais indivíduos envolvidos no caso.

NJ

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *