Junho 14, 2024

O Ministro da Defesa Nacional, Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria, Ernesto dos Santos Liberdade, disse esta quinta-feira, 14, na cidade do Cuito, durante um encontro com os antigos combatentes, que prevê, para breve, o aumento da pensão mensal dos assistidos deste departamento ministerial.

No quadro do Acto Central das Comemorações do 15 de Março, Dia da Expansão da Luta Armada de Libertação Nacional, a realizar-se nesta província, o governante esclareceu que a efectivação do aumento da pensão aguarda somente pela aprovação do Titular do Poder Executivo e Presidente da República, João Lourenço.

Sem revelar a taxa prevista da próxima pensão, Ernesto dos Santos Liberdade, salientou que a intenção enquadra-se nas estratégias da melhoria das condições de vida dos assistidos e dos seus dependentes, em reconhecimento dos esforços consentidos durante a luta de libertação de Angola do jugo colonial.

Recordar que a intenção do aumento da pensão mensal atribuído aos assistidos, actualmente fixado em 23 mil kwanzas, é uma iniciativa do Ministério de tutela, em parceria com o Ministério das Finanças, e foi anunciada no ano passado, durante a discussão da proposta do Orçamento Geral do Estado (OGE) para o exercício económico 2024.

CK

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *