Maio 18, 2024

O Executivo investiu, nos últimos cinco anos, mais de 30 milhões de dólares em prgramas de adaptação às alterações climáticas, para mitigar os efeitos da seca e das tempestades mais intensas, informou segunda-feira o secretário de Estado do Ambiente, Yuri dos Santos.

Ao intervir num seminário metodológico sobre “Gestão de resíduos”, o responsável fez saber que a verba foi aplicada na construção de estações de tratamento de resíduos em diversas províncias do país, incluindo o Namibe.

Adiantou que mais de 100 campanhas de sensibilização foram também realizadas em comunidades locais nos últimos anos, que atingiram mais de 50 mil pessoas, sobre o impacto negativo destas acções e promover alternativas sustentáveis.

““Vamos trabalhar juntos para encontrar soluções inovadoras e sustentáveis para os desafios que enfrentamos, pois não se pode ignorar os crimes ambientais. A implementação de penas de prisão mais severas para os autores destes delitos é uma mensagem clara de que a destruição do meio ambiente não será tolerada e que as consequências serão rigorosamente aplicadas”, salientou.

Na ocasião, a vice-governadora para os serviços técnicos e infra-estruturas, Ema Silva, enalteceu a realização da acção formativa, justificando que vai elucidar os participantes sobre as boas práticas de gestão de resíduos, desde hospitalares, domésticos, entre outros, tendo em vista a prevenção de elementos poluentes.

Subdividido em dois painéis, durante o evento os participantes abordaram, entre outros, os temas “Legislação ambiental”, “Regulamentos municipais de gestão de resíduos” e “Descentralização no processo de licenciamento ambiental”.

Participaram no encontro membros do Governo provincial, representes da sociedade civil e de partidos políticos, professores, estudantes, entre outros convidados.

ANGOP

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *