Julho 21, 2024

O secretário de Estado do Interior, José da Silva, reconheceu, sexta-feira, o empenho do Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) no controlo das fronteiras nacionais.

O responsável que falava a margem do 48.º aniversário do SME sublinhou que, apesar das dificuldades, o Serviço de Migração e Estrangeiros, em coordenação com a Polícia Nacional e os demais órgãos e serviços que concorrem para a segurança e controlo das fronteiras nacionais, tem exercido com dedicação, zelo e profissionalismo o seu papel.

“Estes 48 anos de existência conferiram aos funcionários do SME, uma postura e atitude totalmente diferentes. É notório o profissionalismo demonstrado pelo nosso efectivo, embora reconheçamos que ainda temos muito a fazer para melhorar a sua prestação, sobretudo no atendimento aos utentes”, sublinhou o responsável citado pelo Ministério do Interior, no Facebook.

Na ocasião,  o secretário de Estado do Interior apelou aos efectivos do órgão “que continuem a afinar os mecanismos e procedimentos de actuação, para a prevenção e combate cerrado à criminalidade transnacional organizada, imigração ilegal, terrorismo, fraude documental, tráfico de seres humanos e outras infracções conexas, através da aplicação das Leis migratórias em vigor”.

O evento que decorreu nas instalações da Escola Nacional de Migração, em Viana, sob o lema “SME 48 ananos apostando na gestão de fronteiras, para a facilitação do turismo e do investimento privado”, foi marcado por imposição de patentes e a entrega de certificados de licença à reforma.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *