Junho 14, 2024

Os investimentos no sector pesqueiro e o seu impacto no desenvolvimento económico e social do país vão ser apresentados na 15.ª edição do CaféCIPRA, esta quarta-feira, 05 de Junho, às 15 horas, no Centro de Imprensa da Presidência da República.

Além da ministra das Pescas e Recursos Marinhos, serão facilitadores o secretário de Estado para a Indústria, Carlos Rodrigues, a directora do Instituto Nacional de Investigação Pesqueira, Filomena Vaz Velho, e o presidente do Conselho de Administração do Banco de Desenvolvimento de Angola (BDA), João Quintas, para elucidar a sociedade sobre o que está a ser feito neste sector tão fundamental para a redução da fome e da pobreza. 

O sector das pescas contribui actualmente com cerca de 3,6 por cento para o Produto Interno Bruto (PIB) não-petrolífero e emprega cerca de 80 mil pessoas nos sectores formal e informal, das quais cerca de 75 por cento correspondem à pesca artesanal.

Até 2027, projecta-se um crescimento médio anual de quatro por cento de pescado e de 15 por cento do sal, em função de novos investimentos em fábricas de transformação do pescado e de equipamentos. 

Os desafios deste sector são inúmeros e espera-se que respondam igualmente a necessidade de um maior investimento na investigação pesqueira, produção de insumos, criação de circuito de comercialização eficiente e capacitação de recursos humanos, para a garantir a sustentabilidade dos recursos marinhos, promover a segurança alimentar e gerar maiores receitas para o país. 

O CaféCIPRA, um espaço de diálogo entre governantes e representantes da sociedade civil, tem transmissão em directo nas páginas do Facebook e Youtube do CIPRA e do Governo de Angola.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *