Julho 21, 2024

O Tribunal Supremo condenou esta quarta-feira, o antigo embaixador de Angola na Etiópia, acusado da prática do crime de peculato a três anos de prisão com pena suspensa, devendo devolver a Embaixada de Angola na Etiópia 31 mil dólares no prazo de 45 dias.

O antigo embaixador de Angola na Etiópia deverá, igualmente, a título de indemnização ao Estado pagar uma taxa de justiça de 300 mil kwanzas, segundo um comunicado de imprensa do Tribunal Supremo a que o JA Online teve acesso.

Segundo o Juiz Conselheiro João Fuantoni, relator do processo, não ficou provado que Arcanjo Maria do Nascimento, terá beneficiado de um valor global de mais de cinco milhões de dólares, nem que o mesmo terá transferido para sua conta a quantia de 100 mil dólares.

A defesa do réu, encabeçada pelo advogado Frederico Vasco, prometeu interpor recurso e promete recorrer da decisão.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *