Fevereiro 25, 2024

O Bureau Político do Comité Central do MPLA lamentou, esta sexta-feira, com “profunda resignação”, a morte de Hermínio Escórcio, ocorrida nesta hoje, na África do Sul, por doença, aos 87 anos.

Em nota de condolência, o MPLA considerou o “histórico” dirigente do partido “figura incontornável do nacionalismo angolano”, que se distinguiu pelo sentido de disciplina, rigor e obediência político-partidário.

“Militante convicto e profundamente dedicado defesa das causas e dos ideais do partido, Hermínio Escórcio conquistou, por mérito próprio, o estatuto de Membro do Comité Central do MPLA, eleito na Conferência Inter-Regional realizada em Setembro de 1974, em Brazzaville”, destacou o MPLA.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *