Abril 25, 2024

O Presidente da República, João Lourenço, manteve, quarta-feira, uma conversa ao telefone com o seu homólogo de França, Emmanuel Macron, com quem abordou sobre as relações bilaterais.

Durante a conversa, realizada ontem, os dois Chefes de Estado analisaram, também, questões regionais. As relações entre Angola e a França têm estado a crescer significativamente nos últimos anos, tendo isso ficado evidente com a visita que Emmanuel Macron efectuou a Angola, em Março do ano passado, no quadro do reforço da cooperação entre os dois países.

Na sequência disso, o Presidente João Lourenço manifestou, em Julho do mesmo ano, o desejo de intensificar a cooperação bilateral entre os dois países, em domínios vitais capazes de impulsionar o progresso e o desenvolvimento do país, assim como fortalecer os mecanismos de actuação da nação europeia em prol da promoção do bem-estar da Humanidade.

O estadista angolano manifestou o desejo na mensagem de felicitações pelo Dia da França que endereçou ao homólogo Emmanuel Macron, considerando que a data “simboliza a coragem, o espírito patriótico e combativo” do povo francês, que teve sempre no cerne das aspirações a construção de uma nação assente nos princípios da liberdade, igualdade, fraternidade e unidade dos cidadãos.

A França tem mantido relações diplomáticas com Angola desde a Independência a 11 de Novembro de 1975. O primeiro acordo, assinado em 1982, lançou as bases da cooperação bilateral com um dos principais parceiros económicos do país, responsável por uma presença muito forte no sector Petrolífero e pretende alargar o intercâmbio noutros domínios. Mais de 70 empresas francesas operam em Angola e proporcionam cerca de 10 mil empregos.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *